convido a ouvir

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

armadilhas

Ao enredar-se nas armadilhas do amor e da arte, 
passa o Homem a ser um rico Ser em azar e sorte

mariam 2013/09/18

10 comentários:

heretico disse...

armadilhas que a vida tece...

beijo

Justine disse...

E é isso a vida que vale a pena viver...

OUTONO disse...

...post profundo!
Mas sempre belo.

Beijo

Fernando Santos (Chana) disse...

Excelente post....
Cumprimentos

Jorge Pimenta disse...

curtas mas certeiras como as flechas que apontam ao coração.

um beijo agradecendo a visita no viagens de luz e sombra, nós que nos cruzamos, em primeira instância, na e pela fotografia que é sempre uma genuína forma de dizer.
presentemente, esse blogue encontra-se a vogar em águas serenas, num qualquer cais sem idade; ultimamente viajo mais no http://oorvalhodofimdomedo.blogspot.pt/

um abraço!

Mar Arável disse...

Vale a pena construir

a unidade na diferença

Rafeiro Perfumado disse...

Não acho que o amor tenha a ver com sorte ou azar, mas olha que já em relação ao dinheiro não tenho tanta certeza!

poetaeusou . . . disse...

*
Minha Cara
,
e bastas vezes,
as armadilhas são
denotadas pelo próprio homem !
,
um mar de Luz,
deixo,
*

Silenciosamente ouvindo... disse...

Não tem inserido espero/desejo
que esteja tudo bem consigo.
Bj.
Irene Alves

mariam [Maria Martins] disse...

Amigos e Amigas, grata pelas vossas palavras e visita.
Desculpem as minhas ausências, fruto da minha apressada vida...
Boas Festas para todos!
Beijinhos e o meu sorriso :)
mariam